Postura Correta X Errada

Eu prefiro dizer Postura Ideal X Postura Pobre!

O que acontece é que, tem muitas pessoas que tentam melhorar a postura e acabam piorando e aumentando tensões e dores musculares. E apesar de parecer estar correto, na verdade você poderá estar agravando a sua dor ao invés de melhorar.

Os principais fatores que influenciam numa “Postura Pobre” são:

  • Falta de auto-estima
  • Falta de força muscular
  • Atividades diárias em que a pessoa fica muito tempo sentada
  • Encurtamento da musculatura posterior da perna
  • Estresse físico, mental ou emocional
  • Vida sedentária
  • Ou o conjunto de tudo isso!

Eu acredito que postura é uma atitude! Tudo começa na infância quando, os pais te comparam ou criticam… ou o medo de contar algo que você fez de errado e levar uma bronca. Falta de aceitação do grupo, se sentir inferior ou feio…  Existem milhões de fatores que acabam diminuindo nossa auto-estima, nos fazendo diminuir nossa voz ao falar, nos fazem encolher o tronco como forma de proteção, abaixando a cabeça e rolando os ombros para frente… Por exemplo uma menina que tem os seios grandes acaba os escondendo por medo de ser diferente das colegas… E isso não pára aí… Continua na vida adulta.

Se você pensar em algum amigo bem sucedido na vida, alguém pra frente, alegre, confiante, um lider nato… você vai ver alguém com o tronco bem ereto, ombros largos, postura impecável! Agora pense num amigo que é inseguro, envergonhado, pode até ter um emprego bom, mas todos usam e abusam dele… você pode reparar que ele(a) vai ter o tronco mais arqueado, cabeça mais cabisbaixa e mesmo num momento de alegria e descontração, vai ter os ombros arredondados para frente…

ISSO É LINGUAGEM CORPORAL!

Agora, acredite se quiser, mas alterar a sua postura vai alterar a sua personalidade… e isso acontece porque as pessoas vão te olhar diferente, você se sente mais bonito e confiante e as pessoas passam a te respeitar mais… você não somente fortalece o corpo como fortalece o espírito, a alma!

COMO MELHORAR A MINHA POSTURA?

Existem diversas maneiras de fazer isso, milhares de terapias e mesmo a musculação pode fazer isso se você treinar com um profissional experiente. Apesar deu acreditar que o Pilates é a forma mais eficiente de transferência e manutenção da postura no dia a dia, não posso negar que é possível fazer um excelente trabalho postural independente da técnica. O que importa é o profissional.

Para entender melhor sobre postura, você primeiramente deve conhecer a coluna. Ela tem 3 curvaturas naturais (leia sobre a coluna em Coluna X Patologias) e uma Postura Ideal deveria manter estas curvaturas neutras… isto é, nem acentuá-las e nem perdê-las retificando esta curvatura.

É importante entender que quando você acentua a sua curvatura da torácica, e você pode tentar aí mesmo na cadeira… se você relaxar o corpo e sentar todo largado com as costas bem arredondadas, a sua cabeça vai ser projetada para frente e você naturalmente vai olhar para o chão. Caso a pessoa tenha uma postura parecida com esta, o que chamamos de Cifose (costas mais arredondadas), ao erguer a cabeça para olhar para frente, ela (a cabeça) vai continuar projetada para frente, aumentando agora a curvatura da cervical (pescoço), o que chamamos de Hiper Lordose Cervical. Ainda nesta posição, você vai reparar que os ombros são projetados para frente também, ocupando o espaço à frente do tronco ficando mais estreito… o que chamamos de Ombros Arredondados (com rotação interna).

Agora veja bem… nós, nos tempos modermos, fazemos tudo para dentro… escovar os dentes, dirigir, usar o computador, lavar louça, comer… só temos atividades que trabalham os músculos do ombro para dentro… e pouco fazemos para abrir o peito. Atividades como pescar, jogar vôlei, tênis são atividades onde o corpo se abre para trás em momentos de arremesso, saque… mas nem todos realizam atividades assim, que por ser unilateral, pois são realizados por apenas um lado do corpo… podem acabar provocando outros desequilíbrios… no seu dia a dia, quando é que você realiza movimentos de alcançar lá trás? Praticamente nunca… E isso tudo vai contribuindo para limitar os movimentos dos ombros, encurtando a musculatura anterior (frente) do corpo e acabam provocando problemas e dores nas costas e ombros. 

Seguindo esse pensamento, muitos profissionais ao ver um ombro arredondado, vai tentar compensar fortalecendo a musculatura posterior (costas) e alongando a anterior. Parece ser essa a necessidade do corpo e muitas vezes você acaba se desanimando por não ver melhora nos resultados e pouca mudança na postura… e sabe por quê? Lembra quando eu disse que quando a coluna se arredonda para frente vai projetar a cabeça e conseqüêntemente os ombros? Bom, isso quer dizer que, você tem que primeiramente corrigir a estrutura, diminuir a curvatura da torácica e com isso automaticamente a cabeça vai voltar para o lugar dela e os ombros vão também! Claro que se a musculatura está encurtada, ainda será necessário alongar e fortalecer… mas você vai perceber a diferença na hora, sem nenhum esforço! Sempre pense nos ombro se afastando e indo para os lados e não para trás. O fato de puxar os ombros para trás não corrige a coluna e costuma trazer novas tensões na musculatura em volta da escápula (antigo omoplata), POR ISSO MUITO CUIDADO!

Agora, o mais importante é conseguir manter essa coluna mais ereta sem tensionar a musculatura das costas… e ainda mais, conseguir manter esta postura durante as atividades diárias, pois uma coisa é manter a postura isoladamente, outra é cozinhar, trabalhar, etc… sem perdê-la.

Ai que entra a eficiência do Pilates. No pilates com equipamentos, além de realizar exercícios específicos para melhorar esta postura, você também realiza movimentos muito próximos da realidade diária, e outros totalmente diferentes desafiando o controle corporal.

Agora a pergunta mais importante:

* Como melhorar a Postura sem se sentir tão cansado ao ficar ereto?

 Por isso eu não gosto de chamar uma “Postura Pobre” de “Postura Errada”… pois você estará fazendo errado se tentar sentar ereto -> “Postura Correta”, estressando a musculatura posterior das costas, aumentando as tensões da lombar e mesmo da torácica. Esses músculos que estão localizados paralelamente à coluna em toda a sua extensão são chamados PARAVERTEBRAIS e eles devem ajudar sim na postura, mas não devem ser os únicos na manutenção da mesma!

Eu sempre digo aos meus alunos, se as costas estão tensas, relaxa o corpo e começa tudo de novo, relaxando o tronco para frente totalmente para tentar desconectar e relaxar a musculatura das costas que estão trabalhando demais.

  • Você deve inspirar e deixar o ar entrar dentro da caixa torácica, ampliando-a como se fosse um balão… isso vai fazer com que as costelas se afastem, alongando os músculos intercostais… e o esterno vai se projetar à frente e para cima… a sensação é de que o corpo está flutuando e o topo da cabeça vai subir em direção ao teto… naturalmente a curvatura da torácica vai diminuir, assim como a de trás do pescoço… e a postura vai se corrigindo sem haver tensão nas costas. Essa expansão da caixa torácica deve ser em todas as direções, para frente, lado e trás, assim como deve-se também realizar a respiração diafragmática que é a da expansão do abdomem, todas ao mesmo tempo e de forma equilibrada.
  • Na expiração, você relaxa a musculatura do pescoço, ombro… e contrai o assoalho pélvico e abdomen transverso ( ver mais sobre no texto Fortalecimento do Assoalho Pélvico e do centro do corpo (CORE)) e isso fará com que essa postura se mantenha, como que se você estivesse espremendo um tubo de pasta de dente. Ao espremer o tubo a pasta vai subir se estiver fechado em baixo, e no corpo, ao contrair o abdomen, as víceras e órgãos vao ser elevados empurrando o tronco para cima de forma a aumentar os espaços entre as vértebras, descomprimindo-as. Essa conexão com o transverso abdominal pode ser feito na horizontal (deitado), sentado ou em pé. Quanto mais você treinar mais vai fortalecer esta musculatura e mais rapidamente vai conseguir fazer com que essa musculatura esteja conectada naturalmente.
  • É importante praticar em frente ao espelho para notar se os seus ombros não estão se elevando ao inspirar, pois o ar entra no peito sem a ajuda da musculatura do pescoço. Você tem que esperar o ar ocupar o espaço interno e fazer pressão de dentro para fora em purrando a parede interna.
  • A sensação é de que o esterno está subindo e apontando para o alto, como se quisesse tomar um pouco mais de luz solar… e ele deve relaxar e afundar ao expirar. Como que uma onda de relaxamento viesse do topo da cabeça, relaxando a musculatura da face e do pescoço, solte os ombros ao mesmo tempo que você conecta o centro e assoalho pélvico, para sustentar o corpo.
  • Tente fazer disse um movimento natural e confortável. Se for forçado e cansativo, quer dizer que alto está errado, ou faltando… pense em menos… menos esforço e mais fluidez…
  • Se as costas contraírem, recomece da posição mais relaxada possível, e vai inspirando e elevando o tronco… como se fosse crescendo.

A melhor postura é aquela mais confortável dentro da sua própria coluna neutra. E ela será diferente de qualquer outra pessoa… Conforme o seu corpo vai se adaptando a nova postura e você vai alongando os músculos encurtados e fortalecendo a musculatura estrutural, você vai gradualmente aprimorando a sua “Coluna Ideal”.

Mas lembre-se, treinar 2x na semana uma hora, pouco vai fazer por você, contra mais de 100 horas por semana de “Postura Pobre”. Você tem que fazer disso um hábito e quanto mais você praticar a nova postura e respirar corretamente, mais rápido será a mudança!

POSTURA É UMA ATITUDE…. não se esqueça disso!

 By Tatiana Matsuo.

About these ads
Esse post foi publicado em A AUTO CURA, Entendendo o Corpo, Sobre RESPIRAÇÃO e POSTURA, TODOS OS TEXTOS. Bookmark o link permanente.

41 respostas para Postura Correta X Errada

  1. Ronaldo Araujo disse:

    Gostaria de obter mais conhecimentos sobre posturas corretas, voltada para a área da ergonomia

  2. simone patricio disse:

    Parabéns

  3. Daniel disse:

    Essa matéria é excelente!
    Show de bola!

  4. michelle disse:

    oi gostei muito da materia me ajudou a fazer
    um trabalho sobre postura corporal. obrigada bjs

  5. Chuva na Língua disse:

    Amei seu texto!!!!

  6. larissa disse:

    cade as imagens.

    • tatipilates disse:

      Estou para montar vídeos contendo exercícios de respiração e mobilização da coluna… aguarde…

      • Debora disse:

        Olá,adorei suas explicações sobre postura correta etc….

        Tenho 42 anos,to sofrendo muito com a minha coluna,alem disso me identifiquei muito com seu relato,tambem me separei ha pouco,e sinto o mesmo que voce sentia,ainda tenho síndrome do pânico,o que em determinados momentos por conta da dor no tórax ,fico achando que é coracao….enfim…muitom complicado!

        Aguardo seu vídeo.

        Meu email é deborasimao@ gmail.com

        Adoraria manter contato..obrigada!

        Td de bom!

      • tatipilates disse:

        Debora, aguarde firme e forte que vai chegar :) promessa é divida!
        Bjo grande

  7. Kátia Paula Leite disse:

    Bom Tatiana, primeiramente gostaria de parabennizar-lhe pelas colocações realizadas. Apesar de ser fisioterapeuta , RPGista e instrutora de Pilates, considero que explicar correção não é tão simples como dizem…….vc o fez de forma brilhante! Gostaria de ler mais seus depoimentos. Ganhou uma fã………..Cordialmente. Paula.

  8. regina souza santos disse:

    muito bom PARABENS !!!!!!!

    =D

  9. amanda disse:

    Muito saber isso porque sou uma pessoa tbm que as vezes fico incorreta :s

  10. mas aí vc falou apenas de um meio para se melhorar a postura
    que é o de inspirar e o expirar cadê os outros?

    • tatipilates disse:

      Oi Alex, na verdade é exatamente isso, INSPIRAR não é apenas colocar o ar para dentro, é expandir a caixa torácica e elevar o esterno… a coluna vai abrindo e se organizando, diminuindo a cifose (arredondamento) torácica e o EXPIRAR é fortalecer o abdomem encolhendo a barriga de forma a sustentar a sua postura. Resumidamente seria isso… você pode sim melhorar a postura em todas as posições, sentado, em pé ou deitado… fazendo movimentos de braço ou de pernas, mas o essencial é que vc entenda que a melhor postura acontece respirando corretamente. Espero ter ajudado! um abraço, Tati.

  11. caio disse:

    muito bom! assim aprendo a sentar direito na cadera da escola

  12. tainara disse:

    Bom! eu tenho uma postura incorreta eu ando com os braços p frente e as minha coluna fica p baixo eu preciso mtu da sua ajuda p resolver ese problema. me ajude.

    • tatipilates disse:

      Oi Tainara, é dificil te ajudar sem poder te ver… vc pode ir melhorando lendo os textos e praticando a respiração, mas o ideal mesmo é que vc procure um profissional na sua cidade. Um abraço, Tati.

  13. Pingback: O que pode fazer a DOR melhorar? | Entendendo o Corpo e a Dor by Tati Pilates

  14. Pingback: Fortalecimento do pescoço – melhora a dor? E o Trigger point ou ponto gatilho? | Entendendo o Corpo e a Dor by Tati Pilates

  15. Pingback: TENSÃO NO PESCOÇO E OMBRO!!! Não aguento mais… | Entendendo o Corpo e a Dor by Tati Pilates

  16. Pingback: Costocondrite – dor no esterno ou costelas e outras dores Crônicas | Entendendo o Corpo e a Dor by Tati Pilates

  17. Pingback: DOR NO OMBRO e o Manguito Rotador | Entendendo o Corpo e a Dor by Tati Pilates

  18. S Patricia A disse:

    Boa noite Tati!

    A algum tempo, encontrei seu blog, e vc me ajudou muito, pq, assim como foi c/ vc, sofro muito c/ dores no peito, e ler seu depoimento, me ajudou muito…naquele momento! Meus problemas são basicamente de origem emocional…(p/ variar, né?!), sendo assim, passo algum tempo mais tranquila c/ meus problemas, mas logo minha cabeça começa a pirar c/ as dores, e aí começa a bola de neve. Tem 7 anos que sinto dores no peito, trapézio, braço, pescoço, rosto. um ortopedista me disse que DEVO ter hernia de disco cervical, mas nunca consegui um diagnóstico exato, por falta de recursos. Já passei por cardiologista, neurologista, psiquiatra, psicologos…só consegui aumentar absurdamente minha ansiedade. O neurologista olhou p/ mim e disse, sem se levantar da cadeira, que tenho fibromialgia, e me mandou p/ um psicoterapeuta…Bem, depois de me cansar de sofrer c/ crises de ansiedade enlouquecedoras, voltei a fazer psicoterapia, e a psicologa me recomendou pilates, e hidroginastica. Aqui onde moro, é muito complicado conseguir essas coisas, econfesso que me falta disposição p/ me exercitar em casa. Todas as vezes que começo, as dores aparecem, e acabo desanimando.
    Ontem, estava sentindo muita dor, meus ombros estavam queimando, e ador irradiava pelo pescoço e rosto, sentia a té um formigamento pelo rosto, então fui p/ o banho p/ relaxar. observei uma coisa curiosa, olhando p/ baixo enquanto deixava a água bater no pescoço, percebi que mesmo meus pés estando alinhadinhos, meu joelho direito estava mais a frente do esquerdo, então percebi que o mesmo acontecia c/ minha bacia e meu torax. É como seu meu corpo estivesse “torcido”. Como posso melhorar isso? Acredito que quando eu conseguir aliviar as minhas dores físicas, conseguirei melhorar meu emocional, pq tenho dificuldade em lidar c/ as dores. Como minhas dores se localizão ao lado esquerdo, o medo constante de um problema de coração me desestabiliza emocionalmente, mesmo já tendo passado por vários médicos. Minha psicologa me disse que meu racional sabe que não tenho nenhum problema grave, mas meu subconciente não consegue ter essa certeza. Se puder me ajudar, serei eternamente grata. Já tentei contato c/ vc outras vezes por e-mail, mas agora acredito que não ficarei sem ajuda. Já estou fazendo os exercícos de respiração e os de toque.

    Obrigada desde já. Deus te ilumine!!

    • tatipilates disse:

      Oi querida, mil desculpas se não entrei em contato antes, qdo comecei a escrever não sabia como responder direito pelo blog, e depois foram acumulando tantos comentários que eu nunca dei conta de terminar de responder! Parece uma tarefa sem fim! Com certeza ao melhorar as dores tudo vai ficar melhor… o processo de cura é um processo longo… para mudarmos padrões pode levar anos… eu ainda me pego tensionando qdo algo acontece… estou sempre me policiando para tentar mudar e melhorar! todos temos problemas e estresses emocionais! Quanto a sua rotação no tronco é normal quando temos restrições viscerais… estou elaborando movimentos que possam ajudar a realizar essa liberação e tenho aplicado em aulas com alunos… logo em breve estarei gravando os vídeos que vão ajudar ainda mais a quem está em casa! Uma boa sorte para vc… e muita força e perseverança! um forte abraço, Tati.

  19. Fernanda disse:

    Obrigada querida Tati, vc não faz idéia do bem que está fazendo com seus posts..acendeu em mim uma esperança de me livrar das dores, cheguei a um ponto que quase todos os dias sinto dores de cabeça por causa do pescoço e dos ombros tensionados.Tenho hérnia cervical e lombar mas sou baixinha então não consigo ficar sem um saltinho-pelo menos uns 6 cm e trabalho em pé, dando aulas.Dirijo muito e carrego meus livros pra cima e pra baixo.Bem, sei dos meus erros ,mas quero melhorar minha postura,etc.Obrigada,vc me ajudou a ter esperanças de que posso melhorar.

    • tatipilates disse:

      Oi Fernanda, fico muito feliz em ter ajudado de alguma maneira! Boa sorte na busca da melhora! Continue lendo e praticando os exercícios… neste ano ainda planejo montar uns vídeos com movimentos para ajudar no alívio das dores… um abraço, Tati.

  20. Sonia disse:

    Parabéns Tati

    Estou conhecendo agora! revirando a internet para conseguir me livrar de um acumulo de stress, estou tão debilidata que não vou conseguir continuar escrevendo. Fico feliz em saber que vc tam´bem poderá me ajudar. Neste minuto a cabeça roda o ombro dóooi e tudo ta travado, o pescoço ta parece que vai cair, tudo duro, todo mundo fala que é tensão, mas nao estou conseguindo relaxar, isso esta me apavorando, por favor na sua fé, me ajude, reze por mim e minha família.,
    Muito Obrigada

    • tatipilates disse:

      Oi Sonia, se depender da minha fé vc já está curada querida! Acredite tbém e continue lendo meus textos… leia em especial os do entendendo o emocional, auto-cura e respiração. Um abraço forte e boa sorte! Tati.

  21. Madalena Rodrigues disse:

    Tati…vc é uma profissional excelente e um Ser Humano super iluminado. Pena não ter consultório no Rio de Janeiro. Deus te abençoe muito para que possamos melhorar nossas dores, através de seu blog tão bem explicado.
    Abraço sincero
    Madalena

  22. Sandra disse:

    Tati… você é um anjo! Um ser de luz! Que Deus te dê muita saúde e força para continuar este trabalho maravilhoso! As pessoas invejosas criticam por não terem a capacidade que você tem de compartilhar conhecimentos com os outros que tanto precisam de ajuda… Sua ajuda é sem interesse algum! E muitos não compreendem como pode existir pessoas assim!!! A D O R E I tudo que você postou! Grande ajuda! Beijos e muito sucesso! Felicidades!

  23. carine disse:

    tati ……..queria uma ajuda to com meu lado esquerdo todo dolorido e meus ombros tmbem.so fico deitada de tanta do.vc pode me ajudar? bjo carine

    • tatipilates disse:

      Oi Carine, posso sim! Ja escrevi muitos textos de como aliviar essas dores, por favor leia meu blog com atenção. Comece pelos da respiração… Depois o toque que cura e vá seguindo pelos da auto-cura e os sobre o emocional. Não desista q vc pode ficar bem!
      Um abraço

  24. Antonio Skowronski disse:

    ANTONIO DISSE;
    encontrei, sobre o que procurava,,vou fazer as experiências,para tentar resolver minhas dores internas,entre costas e o esterno! obrigado.

  25. Katia Gomes da Silva disse:

    Tati, PARABÉNS pelo seu trabalho!! Suas orientações são excelentes. Tive hérnias de disco L4/L5 e L5/S1, fiz a cirurgia minimamente invasiva em JAN/2012 e meu ortopedista me disse que fiquei livre das hérnias mas meu nervo ciático ainda dói constantemente porque ficou comprimido muito tempo (cerca de 4 anos). Estou fazendo pilates e a melhora está sendo bastante lenta, mas confio que vou ficar curada totalmente. Suas palavras de incentivo e fé são muito importantes para quem sofre esses problemas, nos ajudam muito. Continue com esse trabalho maravilhoso! Fiquei interessada também na terapia craniosacral, você me indicaria esse tratamento? Muito obrigada.

  26. Juarez disse:

    Tati, meus parabéns pelo seu texto, de leitura fácil e objetiva. Os links ajudam a esclarecer de forma que não haja dúvida e o texto fica rico e compreensível. Meus parabéns!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s